Resenha: A vingança - Miranda Lee #MaratonaDeBanca

terça-feira, fevereiro 12, 2013 2 Comments A+ a-


                                                             
Dominique é a esposa que todo homem sonha ter: bonita, sexy e somente interessada no prazer de seu marido, Charles Brandon, um dos maiores magnatas de Sydney. E ele está hipnotizado pelos encantos de Dominique. Mas, ao que tudo indica, ela se casou por dinheiro, e não por amor. Charles fica arrasado... e furioso! Só que ele não está preparado para abrir mão de sua mulher... não antes que sua paixão por ela tenha sido saciada... e a vingança, consumada! - Sinopse retirada do Skoob
Charles é apaixonado por Dominique, sua recém esposa, a quem conheceu e se casou num curto espaço de tempo. Esta também parece estar bem apaixonada por ele... Porém isso ocorre nas 5 primeiras páginas e o livro se chama “A vingança”. Portanto, não é de se estranhar que a felicidade do casal não dure muito.
É que Rico, o melhor amigo de Charles, desconfia das intenções da moça e resolve mandar investiga-la. O que Rico descobre e, em seguida, conta para Charles muda completamente a vida do casal: Na verdade Dominique havia se casado por dinheiro, pois sempre perseguira um marido rico que pudesse banca-la.
 Charles fica possesso e resolve pedir o divórcio. Mas antes disso exercerá sua vingança...

 A premissa do livro me pareceu meio típica, mas gostei de como a história de “A vingança” se desenvolveu. Charles começa como um mocinho amargo, querendo se vingar a todo custo daquela que acredita tê-lo enganado, mas, mesmo em meio à raiva, consegue raciocinar e mudar seus planos antes de causar maior estrago.
Já Dominique é uma personagem que não me cativou muito, mas gostei do diferencial: Normalmente as mocinhas somente são acusadas de ser “caça-maridos”, mas, no caso de Dominique, essa também é a verdade. Sim, ela se casou com Charles pelo dinheiro dele... Porém acabou se apaixonando também no meio do caminho. Para justificar essa atitude ambiciosa da mocinha, a autora nos fala um pouco de seu passado e o que é revelado torna as atitudes dela compreensíveis.
O livro é bem coerente e, devo confessar, o final me emocionou, embora não saiba explicar exatamente o porque. Gosto muito desse livro, é o primeiro de uma trilogia chamada “Three Rich Men Series”, conhecida também como “Clube do pôquer” e que é a minha favorita dessa autora.
 Enfim, por tudo isso, minha nota é 9 – o livro não é um dos meus favoritos, mas é muito bom.

P.S.: Rico e Renée, personagens secundários desse livro, são os protagonistas do segundo livro da trilogia, Amante por um mês

Para ler outras resenhas que escrevi para a Maratona de banca,clique aqui. 

"My work always tried to unite the true with the beautiful; but when I had to choose one or the other, I usually chose the beautiful." -- Hermann Weyl Miss Carbono que é o numero 6 na tabela periodica

2 comentários

Write comentários
10 de abril de 2017 15:51 delete

O romance é muito bom, foge bastante dos clichês. No caso aqui a mocinha era realmente mercenária, corria atrás de um marido rico... Charles era tudo de bom, super apaixonado, mas magoado com a traição dela! Rico acabou descontando na mocinha todas as suas frustrações... Na verdade na estória toda entre os personagens não existia inocentes!!!

Reply
avatar
12 de abril de 2017 18:38 delete

É por isso que gosto dessa série da Miranda Lee,os personagens nunca são 100% bons ou maus 😁

Reply
avatar


Olá, seja bem-vindo!

Pode falar o que quiser do filme, livro ou texto - só peço que tome cuidado para não ofender os outros leitores do blog. Nada contra palavrões mas também não vamos exagerar, ok?

Obrigada!