Saga Crepúsculo: Amanhecer parte 1 (Resenha do filme)

sexta-feira, novembro 18, 2011 5 Comments A+ a-

             
"Have I found you? Flightless bird, climbing, bleeding..."                                                                                                                                         Iron & Wine - Flightless Bird, American Mouth
              Edward e Bella finalmente se casam e vão passar a lua-de-mel na ilha de Esme, perto do Brasil. Mas, durante esse idílico período algo acontece, que pode por em risco a vida de Bella. Mas dessa vez não há nada que Edward possa fazer. 
             A part 1 do ultimo livro da Saga, que estréia hoje no cinemas tem como mote os acontecimentos acima.  Quem leu o livro sabe que "Amanhecer" é a história mais adulta de toda a saga, repleta de cenas mais sensuais entre o casal principal e também com altas doses de tensão. 
            Já no inicio do filme vemos a "cena perdida" que, se fossem adaptar de acordo com o livro, deveria estar em Eclipse: Jacob recebe o convite de casamento do casal principal e some no mundo. O tempo passado depois disso é mais subjetivo e logo vemos Bella a um dia do casamento, feliz e ansiosa pelo momento. 
             Entrei no cinema esperando muito pouco desse filme. Primeiro, por que já tinha lido o livro e segundo, por que já sabia exatamente onde a parte 1 de Amanhecer ia acabar e achava que o filme iria ser um porre. 
             Mas aí tem a cena do casamento e pronto: Lá estava eu completamente emocionada e envolvida na história. O casamento deles foi quase exatamente da maneira que eu imaginei ao ler o livro com um bônus que eu não esperava, colocaram a trilha sonora perfeita para esse momento, minha música preferida dessa saga. 

             Na lua-de-mel a cena da primeira vez também foi muito bem dirigida, teve até uma ponta de humor, com Bella se preparando para o "grande momento" também foi muito boa. E, gente, Edward quebrou a cama! kkkk

              Quando eles voltam para Forks, o andamento do filme dá uma caída. Se você não sabe por que, acho melhor não ler nenhuma sinopse de Amanhecer na internet por que todas contam.  Jacob, nesse momento, volta a aparecer na história, e tem uma certa importância no desenvolvimento desta, mas não tanto quanto nos outros filmes. 

               Depois da cena do casamento, eu achei que nada no filme poderia me emocionar tato mas estava errada: A cena do impriting é igualmente ma-ra-vi-lho-sa, talvez até melhor. E as cenas que sucedem essa, basicamente até o final são de tirar o fôlego e fazer o coração bater mais rápido. Logo depois, muita luta, emoção, revelações e morte, até a cena final que vou fantástica também... Imagine uma cena completamente sem diálogos, só com o tic-tac de um relógio e um cinema igualmente em silêncio - só para desandar a gritar loucamente no final. Foi isso o que aconteceu na "pré-estréia" que eu fui e imagino que deve estar acontecendo em várias salas de cinema no mundo, por que é de uma tensão muito grande. Até eu que sabia o que ia acontecer fiquei apreensiva. 

Oh, Lord!

                O diretor desse filme está de parabéns por conseguir recriar as cenas do livro de maneira perfeita, com vários closes e flashbacks dos outros filmes, o que emocionou ainda mais. E a produção, que sempre monta ótimas trilhas sonoras para o filme, não decepcionou em "Amanhecer - parte 1", todas as músicas são ótimas (adorei a do Bruno Mars). 

                 No geral é um filme que vai fazer todo fã da saga pirar (eu, por exemplo). Foi tão emocionante assistir Amanhecer que eu fiquei embasbacada olhando a tela, não consegui nem chorar (teve cenas de chorar, gente, não é que eu sou aquelas fãs malucas que choram por tudo)
                    Já alguém que não goste tanto vai achar meio parado, além de completamente diferente dos anteriores, que tinham uma "pegada" mais inocente. 

                     Para mim, foi a grande surpresa do ano, por que não dava nada para esse filme é "Amanhecer - parte 1" é demais! Nota 10 - muito bom, entra para os favoritos.

p.s.: Não saiam do cinema depois da cena final, tem surpresinha no créditos (Who's back?).


Quem gosta da Saga Crepúsculo ai? Pretendem assistir no cinema? Comente! 


"My work always tried to unite the true with the beautiful; but when I had to choose one or the other, I usually chose the beautiful." -- Hermann Weyl Miss Carbono que é o numero 6 na tabela periodica

5 comentários

Write comentários
Sara
AUTHOR
18 de novembro de 2011 03:59 delete

Já assistiu? Uau! Acho que só verei no fim do mês...
Também acho Flightless Bird, American Mouth a melhor música da saga.
Gostei da review!

Reply
avatar
Leeh
AUTHOR
18 de novembro de 2011 06:33 delete

aaaah, amanhecer é o meu favorito dos livros, e todo mundo tá dizendo que o filme está bem diferente dos outros, o que me dá uma pitada de esperança HAHAHA
Não sei quando vou ver, mas quero muito!

Reply
avatar
18 de novembro de 2011 13:25 delete

Acho essa saga muito exagerada, principalmente na lua de mel dos dois!
Mas vou assistir ao filme e da minha opinião, que certamente não mudara
Beijos

Reply
avatar
@whosthanny
AUTHOR
23 de novembro de 2011 06:44 delete

Adorei sua review! Ainda não vi o filme, mas já vi vários comentários positivos e estou muito ansiosa *-* Não sou fã da saga como antes, mas ainda gosto. Minha irmã que compartilhava do mesmo amor que eu, foi pro cinema sem me chamar e disse que o filme tá mais pra comédia, vê se pode! HAHAHAHAHA Enfim, espero tirar minhas próprias conclusões e que elas sejam positivas ;)

Beijos,
www.whosthanny.com

Reply
avatar
23 de setembro de 2015 15:19 delete

Seja em filme ou pessoalmente Crepúsculo livro não é uma produção de vampiros para o meu gosto oferece uma história original e criativa. A serie True Blood, merece esta dentro do primeiro, se é essa questão e observou o excelente elenco com que conta, além de qualidade em cada estação.

Reply
avatar


Olá, seja bem-vindo!

Pode falar o que quiser do filme, livro ou texto - só peço que tome cuidado para não ofender os outros leitores do blog. Nada contra palavrões mas também não vamos exagerar, ok?

Obrigada!