Resenha do livro "Identidade Roubada" - Chevy Stevens (estréia da nova resenhista)

sexta-feira, outubro 14, 2011 7 Comments A+ a-

Olá a todos! 
Hoje vou postar para vocês a primeira resenha da "Dessa Porto", que vai fazer parte da equipe do Miss Carbono (sim, antes era só eu, agora quero montar uma equipe rs). 
Por enquanto essas postagens da Dessa vão ser esporádicas mas, sempre que o posto for dela, vou colocar lá em cima entre parentes algo que indique isso (ainda não sei o que). 
Então, espero que recebam nossa colunista com simpatia e dê opiniões sinceras para que a escrita dela possa melhorar, ok? 
*****

Instigante, envolvente e emocionante são as palavras-chave para descrever a história de Annie O'Sullivan, que teve sua vida completamente transformada após receber a visita de um possível comprador para seu imóvel, que mais tarde se tornaria a pessoa que arruinaria toda a sua vida.
  Sequestrada, mantida em cárcere privado sobre um cubículo de metal (chamaram isso de chalé, e eu ri amargamente), impossibilitada de fugir ou sequer ver a luz do sol, ela se vê obrigada a fazer todas as vontades do seu chamado "Maníaco", das mais estranhas como ter horários para ir ao banheiro e ler pra ele todas as noites, tirando as perversões sexuais que ele também impunha. 
  Acreditando ser impossível um dia se ver longe deste inferno, ela começa a se aproximar e do seu agressor, e descobrir sentimentos que a fazem se importar e se preocupar com o mesmo. (Síndrome de Estocolmo**)
 Após conseguir escapar ela se vê diante de um novo mundo, mediante a uma nova adaptação, assumindo uma postura totalmente diferente em relação não somente à sociedade, mas também às pessoas das quais ela confiava, como a mãe, o namorado Luke, e Christina sua melhor amiga e também sua concorrente no mercado imobiliário.
  Mas o desenrolar do livro se dá pela investigação sobre o sequestro, em que TODOS são suspeitos em potencial. Não me pergunte como. Leia!
  Sendo narrado por nossa (hilária) heroína em 26 sessões de terapia (totalmente um divã), ela descreve o eixo central entre drama-superação com muito bom humor e ironia.

 Tudo bem, passamos agora da parte técnica, para o que realmente interessa: Depois de ler esse livro, você nunca mais vai chamar alguém de "paranoica" da mesma forma.  MESMO! Imagina você ter como única 'pessoa' em que confia piamente uma cadela, e ter como lugar preferido para dormir o closet. É bem por aí...
 Se bem que, a parte interessante mesmo é quando ela troca o frio armário pelo ardente ........ (NO SPOILER) Hahaha!
 Quando eu digo que é emocionante, é porque ele é realmente emocionante. Eu me via no lugar dela, e prendia a respiração igualmente.
 Dentre todas as situações que ela viveu no chalé, teve uma em especial, da qual a livraria do trauma e a faria a acreditar no " o melhor está por vir". Mas não foi bem assim...

Se quer um livro que realmente te transporte para as páginas, e você se sinta viva nele, Identidade Roubada é o indicado.
 Sinceramente, não é à toa que entrou na lista de mais vendidos do The New York Times e foi finalista dos conceituados prêmios Arthur Ellis e International Thriller of the Year.

  Muito bom e recomendado. Tem que ter nota??? ** Nota 8

PS: Embora tenha um filme com o mesmo nome, a história não tem nada a ver.


"Dessa Porto é estudante de Psicologia, taurina, toca violão e escreve nas horas vagas. Viciada em Law & Order e apaixonada por Olivia Benson"                           



Eai pessoal, o que acharam da resenha? Eu gostei bastante e vocês? Comentem!!!

"My work always tried to unite the true with the beautiful; but when I had to choose one or the other, I usually chose the beautiful." -- Hermann Weyl Miss Carbono que é o numero 6 na tabela periodica

7 comentários

Write comentários
14 de outubro de 2011 10:42 delete

Já li esse livro e adorei! Gosto bastante de estórias mais realista, narrativas cruas, que mostram o pior do ser humano...
Adorei sua resenha Dessa, apareça mais vezes xD
Beijos

Reply
avatar
15 de outubro de 2011 11:36 delete

A resenha ficou ótima! E assim que olhei o título do livro, achei que fosse parecido (ou algo próximo) com o filme. Mas depois de ler algumas resenhas, me animei a lê-lo.

Pelo que leio nas resenhas, o Chevy meio que dissecou o ser humano em seu habitat mais puro, né?

Beijos!
www.pronomeinterrogativo.com

Reply
avatar
Mônica
AUTHOR
16 de outubro de 2011 12:59 delete

Olá Dessa, é um prazer ter você aqui, sua resenha foi ótima. Saiba, que a primeira resenha a gente nunca esquece.
Li este livro e me emocionei muito, aconselho a todos que leia. Bju

Reply
avatar
17 de outubro de 2011 07:26 delete

Adorei a resenha Dessa ! Já ouvi falar desse livro e a história parece ser bem bacana :3 , ele já está na minha listinha :3 rsrs'.

Bjim

Reply
avatar
Marcela G.
AUTHOR
17 de outubro de 2011 11:27 delete

Olá, Dessa, seja bem-vinda!
Gostei muito da resenha ;D
Esse livro parece interessante, gosto de histórias de suspense assim e que exploram a natureza humana (e o q pode ter de pior nela), e achei legal q a protagonista é engraçada, adoro personagens assim o/
Beijos

Reply
avatar
Fabi!!
AUTHOR
17 de outubro de 2011 14:58 delete

Bem-vinda Dessa!!!!!
Adorei sua resenha, acabei de ler esse livro, e vc transmitiu tudo oque senti!!! Parabéns!!!

Reply
avatar
17 de outubro de 2011 17:02 delete

Li o livro, achei sua resenha um pouco sem entender o por que do comportamento da personagem, não era "bom humor", e sim pelo estado neurótico que ela ficou, a trama é meio tensa e um pouco chocante, tem uma hora que quando um morre que é..., esperava um pouquinho mais de chocante no livro, por mais que ele tenha tido e é revoltante o final...

Abração e passa lá no Simbolista, meu blog:
http://www.osimbolista.blogspot.com

Reply
avatar


Olá, seja bem-vindo!

Pode falar o que quiser do filme, livro ou texto - só peço que tome cuidado para não ofender os outros leitores do blog. Nada contra palavrões mas também não vamos exagerar, ok?

Obrigada!