Filme: Os tres mosqueteiros (2011)

sexta-feira, outubro 21, 2011 5 Comments A+ a-

                Athos, Portos e Aramis são conhecidos desde que um tal de Dumas resolveu escrever sobre eles. Desde então eles já receberam milhares de histórias, citações e referências no cinema e também na literatura.
                Por isso não me animei muito quando ouvi dizer que iria sair outro filme dos três mosqueteiros. Mas então tive a oportunidade de ver o trailer – quando fui assistir “A hora do espanto” – e decidi que iria assistir essa versão na telona. Parecia uma boa aventura, ideal para o cinema.
                E eu não estava enganada. O filme é ideal para assistir no cinema e, embora o 3D não tenha sido um grande diferencial, também valeu a pena em alguns momentos.

                Um ano após fracassar em uma missão, os 3 mosqueteiros não guerreiam mais, tendo cada um escolhido um outro caminho, em comum apenas o fato de morarem juntos (e de beberem bastante vinho). O jovem Dartanhan sai de sua casa no interior com o sonho de ser um dos mosqueteiros mas mal reconhece como heróis os homens que vê diante de si.
                Quando uma trama, que irá causar a guerra entre França e Inglaterra, é armada, cabe aos 4 homens salvar “o mundo” e eles partem para a aventura.
                Por incrível que pareça (ou não) gostei mais dos vilões desse filme. Orlando Bloom está irresistível como Buckingham e Milla Jovovich mostra que você pode tirar a atriz do "Resident Evil" mas não tira o "Resident Evil" da atriz: As cenas de luta e acrobacias em slow motion, continuam até nesse filme de época.  Ambos fazem o “Casal do mal” e despertam a simpatia, apesar da maldade.


                Os 3 mosqueteiros em si, também não são muito ruins. No começo me irritei com Dartanhan mas depois acabei torcendo por ele, é um herói bem tipico mas a gente supera. Quase não conheci o bonitão Matthew Macfadyen (do filme Orgulho e Preconceito, lembram?) como Athos, mas aqueles olhos azuis continuam maravilhosos. Portos é o mais engraçado, com seu jeito meio fútil e grandalhão e Aramis é o personagem misterioso do trio, igualmente intelectual e guerreiro.  Infelizmente, nenhum deles é muito carismático mas são razoáveis no conjunto.

                A história também é bem divertida, com cenas de ação e tramas típicas da época. Só mesmo um Rei muito inseguro para dar um banquete com o intuito de descobrir se a esposa o traía e Luis é realmente ingênuo quando não percebe as más intenções do cardeal. Mas ele é mais um alivio cômico da história, que já tem vários deles, então não entra muito a inteligência nesse tipo de personagem.
                O final ficou um pouco aberto, ouvi dizer que é por que querem fazer uma trilogia com essa história. Acho uma boa idéia, “Os 3 mosqueteiros” pode ser um mote tão bom como qualquer outro e a história foi muito bem construída, bem simples e fácil de agradar.

                Indico a todos que gostam dessas histórias de capa e espada e também para aqueles que gostam de filmes da Disney. Não sei se o filme é dessa produtora, mas é o tipo de história que a Disney produziria: Com heróis, humor, vilões maniqueístas e final feliz. Os 3 mosqueteiros provavelmente vai agradar a todos os tipos de públicos e, mesmo que não entre para os meus favoritos, me agradou. Nota 8 – bom filme.

p.s.: Não li o livro mas, pelo o que li no Wikipédia, a primeira parte do livro é bem parecida com o filme.

E o que acharam? Acompanhariam essa nova franquia? Comentem! 

"My work always tried to unite the true with the beautiful; but when I had to choose one or the other, I usually chose the beautiful." -- Hermann Weyl Miss Carbono que é o numero 6 na tabela periodica

5 comentários

Write comentários
CAROLINA
AUTHOR
21 de outubro de 2011 07:39 delete

Vi o trailer há uns dias e gostei. Vou assistir sim!
Muito boa sua resenha, me deixou com mais vontade de ir ver.
Bjos, Carol.

Reply
avatar
21 de outubro de 2011 10:56 delete

Nunca vi filme, nem li livro dessa história, e realmente não sei se iria gostar por se tratar, como vc mesma disse, de uma história de capas e espadas. Ah, a atriz da Resident Evil nunca mais será vista sem ser lembrada de Resident Evil, hahaha. Mas tentaria assistir, sim, quem sabe em 3D seja mesmo muito bom :)

Beijo!

Reply
avatar
22 de outubro de 2011 15:51 delete

Oi conheci seu blog hoje pq tava procurando no google uma resenha sobre o livro "Uma proposta Irrecusável" e ele me trouxe aqui, simplesmente amei o blog e a resenha, parabéns =)
Sim já estou te seguindo e claro participando da promoção "Me leva pra Paris", quero muito o livro do Harlan Coben, adoro!!!
Seja muito bem vinda ao meu blog viu!!! Sua opinião é muito importante para mim =)

sim esse filme ainda não vi, mas vi uma produção mais antiga e adorei =)

Reply
avatar
Mônica
AUTHOR
22 de outubro de 2011 18:06 delete

Este filme eu ainda não assisti, mas todos os filmes dos três Mosqueteiros são excelentes.
Bju

Reply
avatar
Sara
AUTHOR
25 de outubro de 2011 10:43 delete

Eu escrevi um comentário e o blogger bancou o troll comigo! quero ver este filme. Mosqueteiros (e Rei Arthur e robin hood) sempre serão minhas histórias prediletas. esquisito o percy jackson hein? parece uma garota!
Hoje baixei A filha do Mosqueteiro! *coincidência**destino*

Reply
avatar


Olá, seja bem-vindo!

Pode falar o que quiser do filme, livro ou texto - só peço que tome cuidado para não ofender os outros leitores do blog. Nada contra palavrões mas também não vamos exagerar, ok?

Obrigada!