|FILME| A Grande Aposta (Resenha / Review) #Oscar2016

sábado, fevereiro 13, 2016 0 Comments A+ a-


   Há 10 anos atrás se alguém chegasse até um investidor ou americano e dissesse que o sistema de hipotecas, a base do sonho americano, iria quebrar em menos de 2 anos, provavelmente seria taxado de louco. O filme "A grande Aposta" conta a história de 5 investidores que, não só perceberam que esse sistema iria colapsar, como resolveram apostar contra o sistema: fizeram um seguro no banco de milhões para que, se o mercado imobiliário caísse, eles ganhassem. 
   É muito difícil falar sobre esse filme. Não só pelos termos e explicações complicadas (explicadas de maneira muito simples ao expectador leigo) mas principalmente porque ele agiu para mim como um soco no estômago. No Brasil a crise de 2008 foi "só uma marolinha" mas no restante do mundo a coisa foi muito muito séria, principalmente nos E.U.A. Foi horrível perceber que milhares de pessoas perderam suas poupanças, suas aposentadorias, suas casas... tudo devido a um sistema ganancioso e fraudulento, que não se importa com quantas vidas pode destruir, desde que ganhe dinheiro com isso. 
   Ao contar a história dos que previram todo esse colapso -  Michael Burry (Christian Bale), Jared Venette (Ryan Gosling) e Mark Baum (Steve Carell), entre outros - o filme nos faz ver o quão previsível foi essa crise e o quanto bancos e agências reguladoras fingiram que nada estava acontecendo até que fosse tarde demais. O filme começa empolgante e divertido e vai gradualmente aumentando sua carga dramática até o desfecho. Desse ser mais ou menos o que esses investidores sentiram quando fizeram essa "aposta": no início a emoção de estarem vendo o que ninguém mais viu e depois o baque de se perceberem certos, a economia americana colapsou. Sobre isso: muitas pessoas criticam os personagens por não ter avisado que isso iria acontecer mas, sejamos sinceros, quem acreditaria? 

    Christian Bale é um ator fora de série e nesse filme entrega mais uma atuação impecável - não é atoa que está concorrendo a melhor ator coadjuvante novamente esse ano. Mas quase ninguém está falando da atuação de Steve Carell ou de Ryan Gosling nesse o  filme e, apesar de não receberem nenhuma indicação ao Oscar por seus papéis, eu acho que eles fizeram um trabalho tão bom quanto. A diferença talvez seja que Michael Burry (o personagem de Bale) tem uma profundida maior devido às suas dificuldades em comunicação e ao seu comportamento meio autista. 
    Indico esse filme a todos que querem entender o que aconteceu em 2008 (e que, na verdade, já vinha acontecendo a muito tempo). Não é um documentário, a história em si é muito boa e interessante, mas certamente é um dos pontos fortes de "A Grande Aposta" a maneira como ele nos consegue fazer entender coisas complicadíssimas em linguagem acessível. Alie isso a uma trama com momentos emblemáticos (a funcionária da agência reguladora dormindo com o banqueiro é um exemplo do próprio relacionamento da agência que estes trabalham) a boas atuações e a um diretor eficiente, e temos um retrato da crise imobiliária americana, ou melhor, dos fatores que levaram a ela.  
   Por hora, dou nota 9 - muito bom

|TRAILER|
A Grande Aposta concorre ao Oscar 2016 nas categorias: melhor filme, melhor ator coadjuvante, melhor diretor, melhor roteiro adaptado, entre outras.

Nascida no interior de SP, formada em Publicidade e Propaganda, sempre gostou de dar palpites sobre filmes, séries, animes, livros e o que mais assistir/ler. Autora do Blog "Resenhas e Outras Cositas Más" (Miss Carbono) e "Coisas de Karol". No Twitter fala de política, séries e da vida (não necessariamente nessa ordem). Siga: @karolro


Olá, seja bem-vindo!

Pode falar o que quiser do filme, livro ou texto - só peço que tome cuidado para não ofender os outros leitores do blog. Nada contra palavrões mas também não vamos exagerar, ok?

Obrigada!