Resenha - Eclipse

domingo, agosto 09, 2009 1 Comments A+ a-

Quem leu a minha resenha sobre Lua Nova sabe que eu não sou muito fã da personagem principal da serie Crepúsculo. Se no primeiro livro, eu até que gostava dela no segundo (Lua Nova) eu não a suportei, principalmente do meio para o fim.

Tal opinião sobre a Bella sumiu quase de todo, conforme eu ia lendo Eclipse. Alias, esse livro fez com que eu revesse muitas das minhas opiniões sobre a série: Agora entendo porque a Bella nunca pode ficar com o Jacob, que o Edward é o cara perfeito pra ela. O titulo da história tem tudo haver com esse entendimento.

Não quero comentar muito, estou com medo de dar spoiller e depois ser xingada por quem ler. Vou tentar não fazê-lo.

Primeiro: Esse é o melhor livro da série, até agora. Sem duvida nenhuma tenho que parabenizar a autora. Teve romance, ação, drama, momentos engraçados... Eu ri e chorei enquanto lia. Foi só nesse momento que eu entendi o objetivo da escrita em primeira pessoa que foi utilizada: A forma como Stephenie Meyer usa essa forma de narrativa para aprofundar os personagens... Foi incrível.

Ainda falando da narração em primeira pessoa, nesse livro não só Bella usa dessa narrativa, mas outras personagens também. Enquanto Bella ouvia, Rosalie primeiro e depois Jasper contando suas histórias, como se transformaram em vampiros, o que fizeram antes de encontrar os Cullen... Esses personagens acabaram assumindo a narrativa da história por um momento e nos fez entender algumas atitudes de ambos, principalmente de Rosalie: Dá pra entender muito bem porque ela (Rosalie) não quer que Bella se transforme em vampira, porque Jasper é uma espécie de ovelha negra da família...

Sinto que estou abusando das reticências mas é porque, como eu já disse, não quero acabar falando demais.

Quanto aos personagens principais. Acabei de perceber que não citei o Edward nenhuma vez até agora. Talvez porque, nesse livro, ele está irresistível, um verdadeiro gentleman, além de romântico, carinhosos, sexy... A ultima afirmativa dava uma resenha a parte hehe. Edward é tudo isso, é o sonho de consumo de qualquer mulher, o genro que toda mãe pediu a Deus. Acho que, nesse livro, ele meio que teve que ‘reconquistar’ a Bella. A mim ele reconquistou desde a primeira pagina! Ta certo, assim como em Lua Nova, senti ele um pouco secundário em alguns momentos. Mas é porque ainda teria que haver a saída do triangulo Jacob-Bella-Edward. E essa é outra coisa que foi feita perfeitamente pela autora.

O final do livro... Bom, só posso dizer que chorei horrores e que o Epílogo, na voz do Jacob, me deixou MUITO curiosa para ler o próximo livro, Amanhecer. Espero que seja tão bom quanto o terceiro e que a Stephenie não estrague todas as minhas esperanças e maquinações... :P

Terminei esse livro no sábado. Segunda feira vou tentar achar o Amanhecer na biblioteca. Vai ser uma missão difícil (o bibliotecário me disse que nunca viu nem a capa do livro, tão pouco é o tempo que ele passa lá), mesmo assim tenho esperanças... E curiosidade. Mal posso esperar para minha próxima e ultima dose dessa série fascinante. Acho que estou ligeiramente viciada nela rss... Só espero que não sofra de depressão-pós-livro depois: Sabe como é, aquela tristeza por ver que a serie vai acabar, que não vai ver mais histórias novas sobre os personagens...


Esquece. Isso é assunto pra próxima resenha. =)
Resumindo: Nota 10.

"My work always tried to unite the true with the beautiful; but when I had to choose one or the other, I usually chose the beautiful." -- Hermann Weyl Miss Carbono que é o numero 6 na tabela periodica

1 comentários:

Write comentários
Teorias de Gi
AUTHOR
3 de setembro de 2011 21:27 delete

Eu tambem me encantei por Eclipse e ri muito com as piadinhas de loira do Jacob, comecei a gostar da Rosalie e meio q torcer pelo Jacob, enfim quando terminei de ler tive q esperar 1 mes até lançarem o Amanhecer, agora imagina como fiquei neste mes...

Reply
avatar


Olá, seja bem-vindo!

Pode falar o que quiser do filme, livro ou texto - só peço que tome cuidado para não ofender os outros leitores do blog. Nada contra palavrões mas também não vamos exagerar, ok?

Obrigada!