Filme: Padre (Resenha)

sexta-feira, maio 20, 2011 22 Comments A+ a-

             Vampiros e seres humanos sempre guerrearam entre si, desde o inicio dos tempos. Os vampiros eram mais fortes e rápidos mas os humanos tinham uma vantagem: O Sol que repelia os vampiros e os fazia se esconderem em seus ninhos (ou colméias que é a maneira como os ninhos dos vampiros são chamados).
Poster do Filme Padre
            Mas o Sol não foi suficiente e os homens começaram a criar armas cada vez mais poderosas e letais. Tentando destruir os vampiros acabaram destruindo o mundo. Sem esperanças, os humanos se fecharam nas cidades e confiaram o extermínio dos vampiros para os Padres.
            Sim, por que os padres eram extremamente treinados, quase sobrenaturais. Eles guerrearam durante anos com os vampiros até que os exterminaram, sendo uns poucos sobreviventes mantidos em cativeiro. Depois que os vampiros foram derrotados os Padres foram erradicados de suas funções e passaram a viver na clandestinidade. O governo desse novo mundo passou para os membros da igreja.

            Isso é só o prólogo do filme para que os telespectadores possam entender o clima futurista e sem esperança em que se passa Padre. A Igreja governa tudo e todos são católicos, pelo jeito. Há confessionários por toda parte e a confissão é feita eletronicamente. A mensagem: “Ir contra a Igreja é ir contra Deus” aparece a todo momento como que para lembrar as pessoas quem manda em tudo.
            O personagem principal, como vocês devem imaginar, é um Padre, que agora vive nas sombras, depois que os vampiros foram erradicados.  Apesar de ser o personagem principal esse cara não tem outro nome a não ser Padre, o que vai dificultar um pouco para mim fazer essa resenha rss.
            Mas, enfim, o Padre vive sua vidinha vazia e infeliz até que um jovem xerife aparece e avisa que a sobrinha dele foi seqüestrada. Por vampiros.


            O Padre sai numa caçada a esses vampiros, com direito a várias cenas de luta e motos futuristas que atingem velocidades absurdas.  No meio do filme também aparece uma Padre mulher (Madre?) para ajudar o Padre a pegar os vampiros maus e resgatar a sobrinha. Vale lembrar que, nesse filme, os vampiros são outra espécie completamente diferente dos humanos, parecem até ETs.
Esses vampiros podem infectar os humanos mas esses não serão chamados vampiros e sim “familiares” pois não tem a força ou a velocidade que os vampiros de verdade tem.

Humano Infectado

Assisti esse filme em 3D, mas não vi vantagem nenhuma, não tem uma só cena que justifique o uso da tecnologia, apesar de ter várias cenas de ação. Padre é também é baseado numa HQ Coreana e só por isso dá para entender o uso de imagens Cristãs como se fossem armas etc. Se você for muito religioso talvez se sinta incomodado com isso. 
Outro detalhe que demonstra a herança Coreana de Padre são as cenas de ação com seus saltos e lutas no estilo Kung Fu. Bem oriental, assim como o abuso de cenas em slow motion que acontece durante o filme.

A história em si não tem nada demais, bem clichezinho, agradável mais pouco criativo. A fotografia e efeitos são muito bons, o filme tem várias cenas épicas daquelas que você coloca em resenhas como essa =).


Clique na Imagem para ver essas duas cenas épicas em tamanho maior.


Quando aos personagens, achei o Padre bem chatinho, não consegui gostar dele. O Xerife me irritou mais é bonitinho, então vá lá. A Padre mulher tem um certo futuro, espero que tenha mais destaque na continuação, se é que essa continuação existirá (dizem que sim).
            O único personagem que eu gostei foi o vilão, Black Hat. Ok, a história dele é beeem clichê também mas esse vampiro/humano tem um jeito bem charmoso se você pensar bem e mais carisma do que o personagem principal (se bem que isso não é difícil); confesso que torci para ele se dar bem no final. Eu e a minha queda por vampiros... (suspiro).


            Se você gosta de filmes de ação e aventura talvez goste de Padre e se curte HQs ou grandes cenas em slow motion (matrix feelings) vá em frente e assista. No mais, Padre é mais um filme de ação e ainda tenho que classificá-lo assim com algumas ressalvas já que meu amigo dormiu no cinema na primeira parte do filme. Sério.

            Vale o ingresso se você considerar o cinema como um local para se divertir com os amigos e que o filme é secundário. Se você pensa assim assista Padre no cinema. Se não espere sair nas locadoras – não vai perder muita coisa. Nota 7,5regular, mas dou meio ponto pelo Black Hat.

            Trailer do Filme AQUI


"My work always tried to unite the true with the beautiful; but when I had to choose one or the other, I usually chose the beautiful." -- Hermann Weyl Miss Carbono que é o numero 6 na tabela periodica

22 comentários

Write comentários
20 de maio de 2011 10:18 delete

PARA MIM ESSE FILME SE PERDEU NO ROTEIRO E NOS DIÁLOGOS POUCO EXPRESSIVOS AMIGA.
UMA PENA PORQUE TINHA TUDO PARA SER UMA FRANQUIA DE SUCESSO!!! EU AMO PAUL BETTANY!!!
BEIJOS

Reply
avatar
Clícia Godoy
AUTHOR
20 de maio de 2011 10:19 delete

Ahhh!

Me interessei hein?

Não sou muito fã de filmes assim, mas gostei!
^^

Adorei sua resenha!
=)

Bjinhos
Psiu!
www.SilencioQueEuToLendo.com.br

Reply
avatar
*Sa*
AUTHOR
20 de maio de 2011 10:45 delete

Como não queria ver por achar que era terror... agora fiquei ainda mais pé atrás...

Eu ando gostando mais dos vilões do que dos protagonistas nos últimos filmes/ séries. Tem sido uma tendência...

Reply
avatar
Paty Algayer
AUTHOR
20 de maio de 2011 10:58 delete

Parece mesmo bem clichê... Não curto muito este tipo de filme, mas enfim... se um dia tiver a oportunidade vejo se dou uma chance para o Padre rsrsrsr Abraços!!!

Reply
avatar
Ana
AUTHOR
20 de maio de 2011 14:02 delete

Ah, Miss... Não sou muito ligada em filmes futuristas... :/
Ms entendi qdo vc disse que se agradou mais com o vilão. Isso já aconteceu comigo em alguns filmes.
Em geral, o ator que o faz arrasa no papel! Manda muito bem. :D
Bjs ;)

Reply
avatar
20 de maio de 2011 14:32 delete

Gentem não sabia que esse filme tinha essa estória... Até pq "Padre" não me sugeria muita coisa, ahusahsuahushas
Adoreeei a dica, gosto de filmes assim! xD

beeeijos,
Jéssica

Reply
avatar
Marcela G.
AUTHOR
20 de maio de 2011 16:23 delete

Tá aí um filme que eu estou com vontade de ver!
Padre lutador de kung fu que enfrenta vampiros - achei essa ideia linda xD
Mas essa história das cenas em slow motion me incomodou um pouco, tudo que é filme de ação agora é lotado de cena em slow motion, acho irritante :P
Tb já vi um monte de filmes em 3D q não aproveitaram quase nada o recurso, parece q só fazem isso p/ falar "ooh, meu filme é tão bonito q vc precisa pagar mais p/ ver em 3D" xD
E adorei o "madre?" hahahaha
Beijos

P.S.: maldita tv aberta com seus cortes em filmes, mas 10 Coisas que Eu Odeio em Você é muito bom mesmo, minha segunda comédia romântica favorita. E veja (500) Dias com Ela sim, vale a pena ;D

Reply
avatar
20 de maio de 2011 21:17 delete

Nossa, me pareceu ser um filme MUITO bom
E fiquei bastante curiosa sobre ele
Vou procurar, para assistir
E obg pela dica...
Bejos

Reply
avatar
21 de maio de 2011 10:14 delete

Uma ótima dica pra esse fim de semana. Não é muito meu gênro não, mas, pelo que vc escreveu vale a ida ao cinema =)

Reply
avatar
Carissinha
AUTHOR
21 de maio de 2011 12:55 delete

Estou com muita vontade de veresse filme. Adorei o trailer e sua crítica me fezter mais vontade dever. Não espero um filme excelente, mas acho que deve ser legal para passar o tempo.

Beijos!!!

Reply
avatar
21 de maio de 2011 19:09 delete

olá minha doce amiga!!!
te gosto muito!!!
visite meu novo cantinho:
http://aloneinthedark30.blogspot.com/
beijos

Reply
avatar
21 de maio de 2011 19:11 delete

Oi!

Não me animei a assistir ao filme. Acho q não vale o ingresso, mas posso estar enganada. POr enquanto não vou assistí-lo.

Bom fim de semana!

BjoO
Pri
Entre Fatos e Livros

Reply
avatar
ladyreapermc
AUTHOR
22 de maio de 2011 03:33 delete

eu detestei muito esse filme! Um grande clichê! Eu achei as cenas de ação muito toscas! Como disse na minha crítica (ou pelo menos acho q disse), mas um filme que o Paul Betany fez para dizer "olha como eu sou foda"! Mas o filme em si é uma porcaria! Eu também só gostei do Black Hat. mas no meu caso, eu gostei dele porque tenho uma paixão de longos anos pelo Karl Urban! *-*
adorei a crítica!
bjs
Olivia
http://paponosense.blogspot.com

Reply
avatar
AS GAROTAS !
AUTHOR
22 de maio de 2011 12:04 delete

deve ser otimo o filme adorei a dica, pena que não gosto muito de historias desse tipo prefiro comedia e romance.. mais vou tentar assistir

beijos Bom Domingo :)
http://leiturait.blogspot.com/

Reply
avatar
GMDourado
AUTHOR
23 de maio de 2011 04:05 delete

AAAH! Tava caçando uma resenha desse filme antes de ir assistir pra saber se valia a pena!!! Como eu to meio pobre vou esperar sair no cinema grátis aqui perto de casa já que não é um "must".

"Eu e a minha queda por vampiros... (suspiro). "

Te entendo completamente. No meu caso, a culpa é da Anne Rice. E do Brad Pitt. E do Antonio Banderas. E do Tom Cruise. T.T

Se vampiros forem reais eu to MUITO ferrada. aushaushauhsahsa! Ainda bem que não são... ?

ÓTIMA RESENHA!
Beijos!!

Reply
avatar
23 de maio de 2011 06:29 delete

Primeiro blog que vejo uma resenha de Padre.
Ainda não assisti, mas os efeitos do trailer chamaram muito a minha atenção. Porém o gênero terror não é muito a minha praia. Enfim, adorei a sua crítica. Bjs

espacoeditorial.blogspot.com

Reply
avatar
Ana
AUTHOR
23 de maio de 2011 06:41 delete

Oi, Miss. :)
Ainda não assisti "Legião". Fui ler a sinopse. Não conhecia mesmo.
Parece que o enredo puxa pro lado do Apocalipse... Ou uma coisa assim. Só assistindo mesmo pra entender.
Acho que tem muita ação e suspense.
Obrigada pela dica. Já está anotada. =)
Bjs ;)

P.S: Só não garanto que vou gostar, porque sou meio receosa com filmes assim...
Esses dias fui assistir um episódio de "Sobrenatural" e não me agradei tanto. E olha que todo mundo que eu conheço elogia... É uma das séries mais vistas!
À propósito, se vc tbm tiver dicas de séries, eu aceito. Com esse último episódio de "House", estou precisando acompanhar outra coisa até estrear a nova temporada.
Bjs ;)

Reply
avatar
Vicky Doretto
AUTHOR
23 de maio de 2011 09:19 delete

Oi (:
Esse eu quero assistir, me interessei pelo trailer... li umas criticas também... rs
BJão =^.^=

Reply
avatar
kikinha
AUTHOR
16 de agosto de 2011 09:06 delete

eu assisti o filme em 3D
e nao vi vantage nem um para essa tecnologia
e como se tivesse assistindo sem
e o filme nem e tao bom

Reply
avatar
Anônimo
AUTHOR
15 de dezembro de 2013 19:57 delete

Nunca vi uma resenha tão rasa.O filme é uma analogia e,nesse caso,o que menos importa são os efeitos especiais.Antes de se atrever a comentar filmes ou livros sugiro que leia:" Como ler livros" de Mortimer Adler.

Reply
avatar
6 de janeiro de 2014 17:11 delete

Anonimo, valeu pela dica de leitura, com certeza vou procurar o livro. Infelizmente isso talvez não melhore minha opinião sobre o filme. já que, qualquer analogia que possam querer ter feito, se perde no roteiro simples e clichê. No mais, obrigada pela seu comentário!

Reply
avatar


Olá, seja bem-vindo!

Pode falar o que quiser do filme, livro ou texto - só peço que tome cuidado para não ofender os outros leitores do blog. Nada contra palavrões mas também não vamos exagerar, ok?

Obrigada!