Filme: O Ritual (Resenha)

sexta-feira, junho 03, 2011 21 Comments A+ a-

            Sim, mais um filme de exorcismo.  Esse tipo de filme não é mais novidade desde 1975 quando uma tal Regan fez coisas como descer uma escada de costas e girar a cabeça 360 graus (cenas clássicas do terror).
            Mas é um filme de terror com o Anthony Hopkins um dos meus atores preferidos e do qual sou fã desde que assisti “O silêncio dos inocentes” e “Hannibal”. Tem também esse irlandês bonitão e de olhos azuis que eu vi no trailer e que parece não ter feito outro filme além desse. Se chama Colin O'Donoghue (guardem esse nome é minha aposta de galã revelação). Para completar essa equipe tem a tal brasileira que não fala quase nada nos filmes... Alice Braga. Ok, ela fala mais que o Rodrigo Santoro mais isso não é um bom padrão comparativo, né?

Capa do filme
            Comecei a assistir a esse filme mais ou menos 1 hora da manhã e já morrendo de medo por causa de um outro filme de terror que havia assistido antes (talvez coloque a resenha aqui, não sei). O começo é bem típico: Um jovem que trabalha com o pai preparando cadáveres para o velório resolve se tornar padre, para ter uma chance de sair daquela vida, daquela cidade... O objetivo dele é cursar os quatro anos de seminário e sair ates de realizar os votos pétreos. Mas quatro anos depois...

            Quatro anos depois um acidente super idiota e inexplicável faz com que os acontecimentos dêem uma virada: O padre que é “chefe” de Michael (é o nome do jovem) praticamente o chantageia para ele ir num curso sobre exorcismo em Roma. Uma pausa aqui: Nossa, é um sacrifício mesmo viajar para Roma com tudo pago pela igreja. Não sei como puderam obrigar o cara a fazer isso... NOT.

            Chegando Michael conhece a jornalista Angeline (Alice Braga). Eles logo começam a conversar e você percebe um clima entre eles mas nada muito declarado, afinal é uma história baseada em fatos reais. E o foco da história é o exorcismo: Ritual católico muito específico, que só uns poucos padres no mundo podem realizar.
            Michael está lá para aprender o exorcismo. Só que ele, mesmo sendo quase um padre, é praticamente ateu ou, como gosta de afirmar, cético. Para ele todas essas histórias de possessão tem uma explicação psiquiátrica pois Michael não acredita no Diabo (e nem em Deus).
Icso non ecziste!

            O ministrador do curso percebe esse ceticismo em Michael e o manda para um encontro com Padre Lucas, (Anthony Hopkins) um padre jesuíta especializado em exorcismo.

            No começo Michael não se impressiona muito com o exorcismo que vê : Chega a ponto de falar para uma moça possuída pelo Demo que não acredita nele, em Satanás. É ai que começam acontecer alguns fatos arrepiantes, coisas que não tem explicação cientifica e que desafiam Michael a duvidar da existência de um Mal Personificado.

            Antes disso o filme estava meio parado, mas depois começou a dar um certo medo, pelo menos uns arrepios, daqueles que você sente quando escuta um “causo” assustador. Anthony Hopkins reafirma sua qualidade como ator, num papel que é praticamente típico dele e o jovem Colin (Michael) também segura as pontas na interpretação de padre.

OMG, uma mula! 
            O que atrapalha um pouco é o roteiro que é, como eu já disse, é inspirado/baseado em fatos reais. Então não há muitas cenas assustadoras, só as seqüências do final. Além disso, não deve ser um bom sinal eu ter descoberto nas primeiras cenas do filme algo que o protagonista só percebe no final, certo? A revelação do filme para mim não foi surpresa nenhuma.

            No finalzinho, como eu já disse, vieram as cenas mais “pesadas”, dignas de dormir com a coberta em cima da cabeça. Mas não foi necessário: Como numa história narrada por nossa própria mãe o final é libertador, feliz. Tudo o que você precisa fazer é acreditar (não vou entrar em detalhes, assistam o filme).
            Terminei de assistir “O ritual” as 3 da manhã um dos horários favoritos para os filmes de terror. Mas fui dormir se medo, o que não quer dizer que não tenha gostado da história.

            Recomendo a todos que gostam do gênero terror/exorcismo e nada mais. Tem gente que odeia esse tipo de filme. Meu amigo chegou a dormir durante "O Ritual" alegando que esse tipo de história é “idiota porque só fala do Diabo”. Me pergunto o que ele esperava...

            Minha nota é 8. Poderia ser um 7 e meio porque achei um filme razoável, quase bom, mas o filme que me fez descobrir esse bonitão chamado Colin O'Donoghue tem que ganhar meio pontinho na minha nota hehe. 

Gostaram? Assistiriam? Comentários são bem-vindos, mesmo que sejam para avacalhar o filme =)

"My work always tried to unite the true with the beautiful; but when I had to choose one or the other, I usually chose the beautiful." -- Hermann Weyl Miss Carbono que é o numero 6 na tabela periodica

21 comentários

Write comentários
Sarita
AUTHOR
3 de junho de 2011 09:21 delete

Sua resenha ou review (sei lá) é ótima (não parece crítica!)! Odeio ler as 'críticas' no qual a pessoa pretende bancar Rubens E. Filho, gosto de ver os comentários e não um texto pseudo-intelectual! Estava em dúvida sobre baixar este filme, mas seus comentários me deixaram curiosa. Vou baixá-lo!
Eles tentam enfiar um romance em tudo que é lugar. Tá, eu adoro romance, mas tem horas que não é necessário. Quando li "clima entre eles mas nada muito declarado", imediatamente pensei: Tava demorando! #alerta-passáros-feridos! Coloquei o nome do Colin O'Donoghue no Google e só posso dizer uma coisa: QUE OLHOS LINDOS VOCÊ TEM COLIN!

Reply
avatar
GMDourado
AUTHOR
3 de junho de 2011 10:25 delete

Ai ainda não vi! Mas fiquei com vontade de ver só por causa desse padre ae. hahahaha! Mentira, por causa do Anthony Hopkins também. O Silêncio dos Inocentes e Hannibal estão entre os meus filmes favoritos! *-*

Eu so não entendi porque o cara é padre se é ateu. Isso é explicado no filme? Anyway, adorei e me diverti com a resenha!!

Vou assistir! E às três da manhã, que nem você, pra dar mais medo porque eu sou dessas.

auhsuahsuahs!

Beijos!

Reply
avatar
Nana
AUTHOR
3 de junho de 2011 11:17 delete

OMG, uma mula HAHAHA to rindo

Estou doida pra assistir esse filme...ver a Alice com Toninho Hannibal

Preciso assistir mais filmes...nossa estou mega desatualizada nos baphos atuais no mundo do cinema HAHAHA
e sem grana para ir até o filme...o jeito é online mesmo kkk

bjs e bom final de semana

Nana - Obsession Valley

Reply
avatar
Carissinha
AUTHOR
3 de junho de 2011 12:04 delete

Eu quero ver esse filme. AMO o Hopkins e assisto qualquer coisa que ele fizer. E esse filme parece ser legal.

Beijos!!

Reply
avatar
3 de junho de 2011 13:19 delete

Olá!

Por algum motivo estranho não fiquei com vontade de assistir esse filme. Acho que vi tanto o trailer na Warner que perdeu a graça. E também porque não gosto de exorcismo!

Beijo!
@nine_stecanella
http://janinestecanella.blogspot.com/

Reply
avatar
3 de junho de 2011 14:42 delete

"Para completar essa equipe tem a tal brasileira que não fala quase nada nos filmes... Alice Braga. Ok, ela fala mais que o Rodrigo Santoro mais isso não é um bom padrão comparativo, né?"

KKKK
Me acabei aqui.
ótima resenha, super divertida e espirituosa.
O filme que é de terror ficou parecendo quase que uma comédia.
Mas gostei dos seus comentários.^^
Bjoks
Por Trás das Letras

Reply
avatar
Ana
AUTHOR
3 de junho de 2011 15:40 delete

Meu tio assistiu esse filme, e se interessou bastante pelo enredo.
Entretanto, fico receosa com filmes assim... Certamente, ficaria impressionada, mesmo não tendo tantas cenas de sustos.
Ficaria mais assustada ainda, por ser baseado em fatos reais.
Bjs ;)

Reply
avatar
ladyreapermc
AUTHOR
3 de junho de 2011 15:59 delete

eu vi o Ritual no cinema e gostei bastante. Diferente de você, eu não encarei o filme como terror e não senti um pingo de medo. O que eu achei legal foi o conflito que o personagem sente e todo aquele dilema entre fé e ciência. Isso o filme abordou até bem. É verdade, o Colin super segurou as pontas contra o Hopkins, algo admiravel e a Alice Braga é uma baita de uma inutil!
p.s. Rodrigo Santoro fala em I Love You Philip Morris! hehehehe
bjs
Olivia
http://paponosense.blogspot.com

Reply
avatar
Babi Lorentz
AUTHOR
3 de junho de 2011 17:09 delete

Mooooorro de medo dessas coisas, é sério.
Não tenho interesse nenhum em assistir. :S Mesmo com uma resenha divertida.
Beijão

Reply
avatar
3 de junho de 2011 18:57 delete

Não li a resenha porque esses filmes me assustam, sério, as vezes fico me lembrando só da sinopse que me dá calafrios, você precisava me ver pós Clube do livro de Terror :P
Beijso,K.
Girl Spoiled

Reply
avatar
3 de junho de 2011 19:11 delete

Olá, Miss!
Anthony Hopkins definitivamente é o CARA!! Perfeito para atuar em filmes com essa temática e tem uma versatilidade incrível!! Adoro os filmes que ele faz e após ler aqui o seu ponto de vista a respeito de O Rito, fiquei ainda mais empolgada para acompanhar!
Só te digo uma coisa, não posso assistir à noite antes de dormir de jeito nenhum!!!! Deus me livre! Fico remoendo as cenas todas na minha cabeça e não consigo dormir rs, mas verei durante o dia com certeza. hauahuahauha
Bjos.

Mariana Ribeiro
Confissões Literárias.

Reply
avatar
4 de junho de 2011 18:53 delete

OI AMIGA.
ESSE FIM DE SEMANA O AMOR IMORTAL ESTA COMEMORANDO 6 MESES. GOSTARIA DE TE AGRADECER POR TUDO E TE PRESENTEAR COM UM SELINHO ESPECIAL:
http://amorimortall.blogspot.com/2011/06/parabens-ao-amor-imortal-hoje.html
BEIJOS

Reply
avatar
Clícia Godoy
AUTHOR
4 de junho de 2011 19:23 delete

Invejinha de quem assiti filmes assim!

Eu simplesmente não tenho muita paciência!
=P

Bjinhos
Psiu!
Silêncio Que Eu To Lendo!!

Reply
avatar
Marcela G.
AUTHOR
4 de junho de 2011 19:36 delete

Humm... li muitos comentários negativos sobre esse filme q me deixaram sem vontade de ver, mas, talvez, fossem de gente q tava esperando coisa demais. Não espero q seja mais do q razoável, como foi O Exorcismo de Emily Rose (trailer mais enganoso EVER, só achei legalzinho pq gosto de filmes de tribunal hahaha), mas vou dar uma chance a O Ritual, talvez eu me surpreenda, de qualquer jeito fico conhecendo o Colin, esse moço bonito xD
Amei a resenha, ficou muito divertida e, Miss, qual foi o filme q vc assistiu antes de O Ritual p/ ficar com tanto medo? É q eu neeem sou curiosa haha
Beijos

Reply
avatar
Carla Alves
AUTHOR
5 de junho de 2011 01:00 delete

Adoro filmes de terror! gosto dos classicos,mas também de alguns filmes atuais.
fiquei com vontade de assistir O RITUAL,gosto do genero.

Beijos Flor!
by Carla

www.blogmeureino.blogspot.com

Reply
avatar
5 de junho de 2011 10:21 delete

Olá...
Tem selinho pra você no blog!

http://espacoeditorial.blogspot.com/2011/06/selinhos-e-memes.html

Bjsss!!!

Reply
avatar
It Cultura
AUTHOR
5 de junho de 2011 11:15 delete

"Me pergunto o que ele esperava..." - kkkkkkkkkkk realmente. É a msm coisa que assistir A Fantástica Fábrica de Chocolate e reclamar do excesso de doces que aparece :p

É o 2º blog hoje que vejo falando (e bem) do filme. Só assim para bater vontade de ver, pq não tinha animação alguma para tentar rs

Bjs,
Kel - It Cultura
www.itcultura.com

Reply
avatar
5 de junho de 2011 21:49 delete

Ah, eu não gosto de filmes de terror
Principalmente com esse tema
Eu corro deles kkkk
Beijos e Boa Semana

Reply
avatar
6 de junho de 2011 08:49 delete

OI!

Eu gosto de filmes de terror. Mas esse tema me assusta um pouco. Prefiro os fantasminhas. rsrsr
Não conhecia esse e até posso assistir, desde que eu tenha companhia! hahaha

BjoO
Pri
Entre Fatos e Livros

Reply
avatar
Teorias de Gi
AUTHOR
21 de julho de 2011 09:15 delete

Eu amei o filme, é eu tiraria a mula, fala sério ela é totalmente desnecessária...mas gostei das mensagens...indicando que se vc esta perdido em algum lugar não é por acaso...afinal vc poderia estar em qualquer lugar mas por algum motivo esta ali...e que o demonio faz tantas coisas para acreditarmos nele e segui-lo que se esquece q para crer nele, antes tem q acreditar em Deus!
Super recomendo, amo filmes de terror, exorcismo e seres imortais ou fantasticos!
Beijusssss...

Reply
avatar
1 de dezembro de 2016 13:55 delete

Grande história. Estou no final com medo, mas eu gosto de terror ou suspense histórias e filmes exorcismos. Recentemente, vi The Vatican Tapes não geralmente pensam que é liberado em queda livre bater a cada clichês imagináveis em uma história de horror. De tudo isso, o mais interessante é uma cena em que ela cospe três ovos que representam a Santíssima Trindade. Poderíamos dizer que há material para contar uma história interessante, mas certamente com intenções não é suficiente. "Exorcistas No Vaticano" poderia ter tido melhor destino se o tom geral do filme era crua e cheia de deboche.

Reply
avatar


Olá, seja bem-vindo!

Pode falar o que quiser do filme, livro ou texto - só peço que tome cuidado para não ofender os outros leitores do blog. Nada contra palavrões mas também não vamos exagerar, ok?

Obrigada!